24

se você não está,
aceito a noite
como mera consequência do fim do dia
esqueço o céu, finco os pés no chão

mas se você está,
invento um nome para cada estrela
e sobrenome para as três marias
transformo a escuridão em poesia 
faço do vazio imensidão

para ver seu riso frouxo e para rir junto
já nem sei quantas palavras 
sou capaz de escrever

e o pior, o pior de tudo 
que me deixa sem rumo
que me doi fundo o coração
é saber que essa será mais uma noite sem estrelas